Followers

Google+ Followers

Friday, May 30, 2014

Aaron McCollum : Golfo de Aden Projeto Seagate





Camelot logo
Aaron McCollum:
Transcrição da entrevista


Aaron McCollum

27 de janeiro de 2010


About Aaron McCollum:

Aaron McCollum is a third generation member of Project Talent, the MKUltra program used to develop psychic warriors and supersoldiers by the secret government. He is coming forward to speak about the Stargate in the Gulf of Aden and the information he is getting in this regard from secret sources, his own intuition and his conclusions based upon research.



Aaron McCollum : Golfo de AdenProjeto Seagate

Los Angeles, janeiro de 2010



aaron
Aaron McCollum é um atirador direto muito brilhante que está vindo para apresentar-se neste momento com a intenção de aumentar a consciência sobre o que ele acredita que está acontecendo no Golfo de Aden.

Ele se considera um "membro da terceira geração do Projeto Talento MKUltra", o mesmo projeto que Duncan O'Finioan e Dave Corso fizeram parte. Especificamente, ele esteve envolvido desde muito jovem em um programa altamente secreto chamado Projeto Seagate. Mais sobre este estará em uma segunda entrevista. Ele é um ex-líder de uma unidade especial para da Guarda Costeira dos E.U. e está se apresentando com grande risco, porque ele acredita firmemente que o momento de falar é agor


Kerry Cassidy (KC): É muito interessante o que está acontecendo, porque as pessoas estão se ligando por todo o planeta.

AARON McCOLLUM (AM): É. 

KC: E somos todos parte disso. Quem sabe onde isso vai levar a todos nós, você sabe, eventualmente...

AM: As pessoas estão acordando aos milhares. Na noite passada estava conversando com um cavalheiro, veterano do Vietnã, que havia servido durante o mesmo tempo que meu pai e Dave Corso tinham servido. Isso é quase... Eu não sei se lhe disse que o meu pai e Dave serviram um com o outro. 

Wednesday, May 28, 2014

Dr. Pete Peterson - Parte 1 – Entrevistado por Bill Ryan



Camelot logo
Dr.Pete Peterson - Parte 1 – Bill Ryan

Interior dos Estados Unidos, 29 de junho de 2009

Introdução:

Dr. PETE PETERSON (PP):

...É uma área que é altamente defensável. Isso é muito importante, porque é a minha crença, e a de muitas outras pessoas por quem tenho respeito,  que o mundo esteja passando por um... Eu chamaria um "derretimento"

...Uma vez que as pessoas descubram o que tem sido feito com elas pelos seus políticos,  vão sentir que seria muito melhor para a saúde e segurança deles, estar em qualquer outro lugar.

...No meu entender, era a terceira  sessão fechada do congresso.

...Nós descobrimos que não importava onde o político estivesse, e em que comitês atuasse, quando as coisas altamente secretas vinham a tona, eles queriam fechar a sessão o mais cedo possível, para poder sair e fazer seus relatos à imprensa. Nós não temos nenhuma confidencialidade lá. Vazava, estou certo disso.

BR: Estou certo em assumir que você não iria contradizer esses vazamentos?

PP: Eu não os contradiria, por certo.

Miriam Delicado: Miriam Blue Star (Miriam Estrela Azul) Sedona, Arizona, setembro de 2008

 


Camelot logo




Sedona, Arizona, setembro de 2008


Translator:
Reviewer: Celeste F.



... Eu não queria estar falando com vocês. Realmente não. Eu gostaria de pôr uma máscara e não estar aqui. Mas estou, porque no meu coração, na minha mente, em todo o meu ser,  sei que estamos num caminho assustador.

...Existem pessoas por toda Terra que tiveram experiências parecidas com a minha, e  estamos todos esperando o momento certo para nos levantarmos em unidade - Em Unidade- e nos apresentarmos e falarmos para o mundo.

... e imediatamente  estremeci . Pensei : Ahhhhh... é isso. E ele falou: Você já trabalhou para a CIA ou para o FBI ? E claro, eu tinha 22 anos de idade. Não queria ter nada a ver com aquilo. Pensava: Porque isso está acontecendo comigo?

Então o que faz tudo isso fascinante é que, durante o meu crescimento, meu pai em inúmeras ocasiões me contou uma estória de quando ele estava nas ruas de Paris, durante a guerra - porque, é claro, ele é da Europa – quando um homem o abordou. E o que o meu pai me contou, foi que eles o convidaram para fazer parte desse Exército Psíquico, o Exército Psíquico Russo.

E continuou me dizendo: Se eles algum dia te abordarem, não vás com eles. Você entende? Nunca vás com eles, porque se você for, eles vão se apropriar de você.

...Foi me mostrada uma imagem em que eu estava numa base subterrânea que... para mim, o que aconteu lá era tão escuro, feio e assustador, que era difícil lidar com aquilo.

... O quê vocês estão fazendo aqui? Porque não me deixam em paz? E aí, entrei na espaçonave.

Rafael Palacios entrevista Henry Deacon: Transcrição da entrevista

stock photo : Portuguese flag butterfly, isolated on white background




Camelot logo

Rafael Palacios entrevista
Henry Deacon:
Transcrição da entrevista




Local: Cimeira da Exopolitics de Barcelona - 25 Julho 2009.


Translator: Maria Luísa de Vasconcellos
Email: luisavasconcellos2012@gmail.com

Reviewer. Celeste F.



Rafael Palácios: Bom, estou na área da imprensa da Conferência de Exopolíticas, com uma personagem. O homem que estais a ver agora, ficou famoso devido a uma entrevista do Projecto Camelot, onde não mostrou o rosto. Agora, é a primeira vez. Por favor, como se chama?

Henry Deacon / Arthur Neumann: Chamo-me Arthur Neumann, que é um nome alemão, Neumann.

Rafael: Trabalhou durante 30 anos na área da investigação, em áreas muito secretas ..

HD/AN: Pesquisa, fabricação, logística, praticamente em todas as áreas do governo, da contratação do governo, mas, sobretudo, no governo. Trabalhei com informação altamente secreta dos laboratórios de Lawrence Livermore, trabalhei com informação secreta sobre o espaço aéreo e afins, trabalhei com informações altamente secretas com certas implicações até cerca de 2004, ao trabalhar com outras agências.

Tuesday, May 27, 2014

Uma entrevista com 'Henry Deacon', um Físico de Livermore



Camelot logo Uma entrevista
 com 'Henry Deacon',

um Físico de Livermore






Translator:

Reviewer: Celeste F.



Essa entrevista foi transcrita de um vídeo, já que o entrevistado expressou o desejo de permanecer anônimo ('Henry Deacon' é um pseudônimo, solicitado por sua semelhança com um pólimata das séries de televisão Eureka). Certos detalhes foram deletados e/ou emendados, em ordem a assegurar, que a identidade dele permaneça oculta, e a transcrição foi “limpa” de muitas hesitações naturaisexpressadas e assim por diante. No entanto, é muito importante notar que nenhuma das informações fatuais divulgadas foi alterada ou emendada de qualquer forma.

O nome de Henry e os detalhes da profissão dele são conhecidos e verificados, fomos capazes de o encontrar pessoalmente mais de uma vez. Ele estava, compreensivelment,e um pouco nervoso, mas definitivamente queria falar conosco. Durante a conversação, ele,algumas vezes, respondeu com silêncio e olhares significativos, ou sorrisos inigmáticos mais do que palavras. Foi inteiramente desarmante, de uma forma muito tranqüila, e nem sempre tinha certeza do que ele devia ou não dizer. Às vezes, contudo, tinha grande prazer em revelar a verdade sobre alguma matéria chave de um jeito que não pudesse ser rastreado para ele. Um ou dois detalhes suplementares foram fornecidos por e-mail após a entrevista.

Monday, May 26, 2014

DAN BURISCH -- Fora da Alçada da MAJESTIC - Parte 2

stock photo : Portuguese flag butterfly, isolated on white background





Uma  entrevista gravada em vídeo com Dan Burisch
Las Vegas, Julho 2006

Gravada, editada e dirigida por Kerry Lynn Cassidy
(continuação da  Parte 1 - please click here)


“...há um ser humano real por trás dele, tão desarrumado como eles são, provavelmente, mais ...

Sim. Eles deveriam sabê-lo. "





 Dan Burisch





Relacionamento com  Chi’el’ah: J-Rod

Kerry Cassidy: Vou dizer-lhe honestamente. Quando vi o segmento da entrevista  de Bill Hamilton consigo e você estava a falar do seu relacionamento com o J-Rod e como comunicava com ele telepaticamente...

Dan Burisch: Ãh hãh.

K: Pareceu-me incrivelmente real. E desde essa altura fiquei muito interessada no que você tinha para dizer.

D: Ah...

K: Porque disse: ‘Este homem experimentou realmente isto. Não é treta. Isto é verdade.

D: Sim.

K: Portanto se pudesse tornar a contar, talvez como começou a trabalhar com J-Rod…

D: Bem, já estava a trabalhar comigo antes de conhecê-lo. Claro que já estava a bordo, como compreendo. Não tenho memória dele directamente mas quero dizer, compreendo, em ’73... ele viajou até ’73 e então... foi isto mesmo que eu disse ao telefone, a Jeff Rense. Sabe, eu disse: ’Meu Deus, como isto não me surpreende.” Quero dizer, surpreendeu a minha mente. E quando você pensa em paradoxos para começar. Que ele viajou até 1973, fui recolhido e depois, seguidamente, ele viajou de regresso a 1953 e houve um acidente. O que significa que ele foi levado para S-4 em 1973, na altura em que eu estava a jogar a bola com o meu avô, e que ele também estava a bordo da nave, surgindo no nosso tempo, erguendo-me. Prosaicamente, isto soa a loucura, mas, sim, é um paradoxo. Suponho, quer dizer...mas realmente entrei em contacto directo com ele no final de 1993, princípio de ’94.

Tuesday, May 20, 2014

DAN BURISCH -- Fora da Alçada da MAJESTIC - Parte 1

stock photo : Portuguese flag butterfly, isolated on white background



Asking for Translators

Kindly translate these interviews in your native languages and sent them to
luisavasconcellos2012@gmail.com.

They will be posted here and sent to Kerry Cassidy for being posted at Project Camelot website.
Many thanks in advance.

Asking for Transcribers


On 17 April 2014 17:58, Kerry Cassidy <kerry@projectcamelot.tv> wrote:

Hi all,

We have lots of Camelot videos still needing transcripts.  Anyone who wants to contribute a transcript is welcome. 


Best wishes

Kerry







Parte 1 – Fora da Alçada da MAJESTIC: Dan Burisch sem censura




Las Vegas, Julho 2006


Filmada, gravada e dirigida por Kerry Lynn Cassidy


Dan Burisch: Sim, por natureza sou um solitário. As pessoas vão compreendê-lo muito em breve... Bem, você sabe, também há outra coisa. Durante os últimos 20 anos, estive sob o foco de tantas cameras...

Marci McDowell: Ou mais...

D: Estou na altura onde isso está bem.


Kerry Cassidy: Bem, está bem. Sim, então está à vontade com esta. Bem, isso é óptimo.

D: Tive cameras... tive cameras em situações extremamente invasoras…que me podiam ter causado mais…É exactamente isso que eu estava a pensar [risos].

K: É?

D: Nightshade apresenta: “Dr. Burisch Culpado do Incêncio em LaQuinta.”

MARK RICHARDS entrevistado por KERRY CASSIDY

stock photo : Portuguese flag butterfly, isolated on white background




TOTALMENTE DE MEMÓRIA: CAMELOT VIDEO –Transcrição escrita

Kerry filmada pela Camera. Começa com uma pequena entrevista a Jo Ann Richards, a esposa do  Capitão Mark Richards, depois o video mostra Kerry no carro a recordar a sua entrevista pessoal com Mark Richards.

Kerry Cassidy entrevista o Capitão Mark Richards
Fonte:

Publicada em  Novembro 8, 2013

É uma entrevista feita ao Capitão Mark Richards, ocorrida na Prisão de Vacaville, em 2 de Novembro de 2013. É a primeira vez, em cerca de 30 anos de encarceramento, que um jornalista o entrevistou. Não me permitiram documentar esta entrevista cara-a-cara, com camera ou com quaisquer outros aparelhos, ou mesmo tomar notas durante a entrevista.

Tudo o que irão ver e escutar foi lembrado de memória, imediatamente após o meu encontro com ele. Precisamente antes da entrevista, falei abreviadamente com a esposa dele, Jo Ann, que também esteve presente durante a entrevista.

O Capitão da Marinha, Mark Richards, foi um oficial que esteve envolvido na Batalha Dulce, como também um membro muito activo do Programa Espacial Secreto e do Comando Espacial dos EUA, durante muitos anos, antes de ter sido detido e acusado de um assassinato que não cometeu.

BILL HAMILTON -- Chamando as Naves -- Aventuras da Mente

stock photo : Portuguese flag butterfly, isolated on white background
Calling Down the Craft: Adventures with the Mind





Uma entrevista em video com Bill Hamilton 
Laughlin, Nevada, Março 2006

Gravada, editada e dirigida por Kerry Lynn Cassidy

Bill Hamilton


Bill Hamilton (B): Se já vi um UFO/OVNI? Muitos UFOs/OVNIs.

Kerry Cassidy (K): Muitos UFOs. E pode dizer-nos quem é?

B: Bem, o meu nome é Bill Hamilton. Estive envolvido na pesquisa de UFOs, provavelmente, a maior parte da minha vida. Fiquei envolvido na verdadeira investigação de casos a partir de 1976 com o caso de Brian Scott. E foi quando me associei ao MUFON e tornei-me um Investigador no Terreno.

CLIFFORD STONE -- Interprete dos Extraterrestres


stock photo : Portuguese flag butterfly, isolated on white background




PROJECT CAMELOT
Uma entrevista com Clifford Stone

Roswell, New Mexico, November 2006



Filmado, editado e dirigido por Kerry Cassidy e Bill Ryan




Clifford Stone: O que deseja? Uma história que seja credível ou quer a verdade? O que está a acontecer? Quanto é que o nosso governo sabe e quando é que souberam?

 Kerry Cassidy:  Você foi a comunicação entre o governo ou os militares/o Exército e os visitantes extraterrestres. Estaria correcto?

C:  Seria correcto. Há um preço a pagar quando começa a falar, e não quero aprofundar muito este assunto, pois quando você começa a revivê-lo, não tem ideia do que eu vejo na minha mente, precisamente agora, apenas ao aflorar a ponta do iceberg.

Por duas ou três vezes saí do assunto UFO, mas quer que lhe conte um pequeno segredo? Você não pode. Há pessoas aí e eu sou uma delas ...não é sobre dinheiro. Meu Deus, quem me dera que fosse. Podíamos ir através do Cosmos, visitar outros sistemas solares, outros planetas para além do nosso. Mas quando fizermos isso, teremos uma elavação espiritual. Por outras palavras, vamos cuidar do que acontece ao outro.


Princípio da entrevista.
 

K:  Clifford Stone, estou muito feliz por podê-lo entrevistar hoje aqui. E há muito respeito pelo que fez, pela sua coragem em dar a cara e falar deste assunto. É emocionante tê-lo perante a câmera.

C:  Obrigado, minha senhora.

TRANS + TRANS

Asking for Translators

Kindly translate these interviews in your native languages and sent them to

luisavasconcellos2012@gmail.com

They will be posted here and sent to Kerry Cassidy for being posted at Project Camelot website.

Many thanks in advance.


Asking for Transcribers


kerry@projectcamelot.tv> wrote:

Hi all,

We have lots of Camelot videos still needing transcripts. Anyone who wants to contribute a transcript is welcome.

http://projectcamelotportal.com/interviews/english-transcripts

Best wishes

Kerry

ascension